Elvis 1956




sexta-feira, 28 de julho de 2017

NOTICIAS MUNDO ELVIS









ELVIS PRESLEY É O MAIOR DESTAQUE  DA REVISTA ROLLING STONE ALEMÁ

A Revista Rolling Stone na Alemanha traz Elvis na capa com uma matéria de 30 páginas sobre o Rei do Rock. Segundo a Rolling Stone a matéria vai descrever seus últimos anos, filmes, melhores discos, trajes, E.T.A.s (Elvis Tribute Artist) e a cobertura de uma viagem de Memphis a Tóquio! A revista ainda traz um single em vinil de "Good Rockin' Tonight / Blue Moon". A Rolling Stone diz em seu site que Elvis além de ser um mito é ícone da moda, primeira estrela pop da cultura globalizada e que está mais vivo do que nunca!!! Vamos torcer para que a ROLLING STONE no Brasil também siga o exemplo alemão!








MORRE AOS 81 ANOS RED WEST  MEMBRO DO GRUPO DE ELVIS A MAFIA DE MEMPHIS

Resultado de imagem para elvis and red west


Red West que foi compositor, ator, dublê e ex-membro da "Máfia de Memphis" faleceu no dia 18 de julho de 2017 aos 81 anos de idade! Ele também foi um dos autores do livro "ELVIS WHAT HAPPENED" de 1977. Red conheceu Elvis ainda na juventude e fez ponta em alguns filmes do Rei! Sua proximidade com Elvis e o ator Nick Adams acabou facilitando sua entrada em Hollywood onde foi trabalhar como dublê e ator mais tarde! Além de trabalhar na segurança de Elvis, Red West era compositor e é dele uma das mais belas canções de Elvis, "Separate Ways" de 1972. Apesar dos muitos anos ao lado de Elvis sua relação com ele ficou estremecida em 1976 ao ser demitido por Vernon. Red havia se envolvido em vários confusões com fãs em Las Vegas, confusões que culminavam até em agressões! Estes problemas acabaram chegando na mídia o que gerou um grande mal estar! Vernon acabou dispensando além de Red, o seu primo Sonny West (falecido em 24/05/2017) e David Hebler. Em outubro de 1976 grava uma conversa telefônica com Elvis na qual revela detalhes totalmente desconhecidos da grande maioria dos fãs!  Numa parte da conversa Elvis diz a Red:"...bem, pensei que havia dito a vocês! Eu pensei que havia dito que era o intestino. Lembre-se que eu deveria ter me submetido a uma cirurgia ...". Red responde: "Sim..." e Elvis responde: "...e tirar parte dele!". Elvis revelava ali um sério problema de saúde que gerava uma severa constipação intestinal , típica em pacientes que tinham "Megacolon" (dilatação e alongamento anormais do intestino grosso) o que obrigava Elvis a usar diversos medicamentos contra dor e muitos laxantes. (vale lembrar que Elvis tinha outros problemas além deste que já era grave). Na conversa Elvis também revela a Red sua irritação da mídia o chamando de "gordo e velho"! Mesmo assim Red juntamente com Sonny e David Hebler lançariam em 1977 o livro "Elvis - What Happened" onde colocava Elvis como um "viciado em remédios". Já os problemas de saúde que Elvis enfrentava não ganharam a devida importância na mídia e o livro deixou Elvis extremamente furioso! Poucas semanas após o lançamento Elvis falecia aos 42 anos e o livro vendia aproximadamente 3 milhões de cópias! Na época os guarda costas disseram que o objetivo era "ajudar" Elvis a procurar ajuda e que não havia interesse financeiro. Décadas mais tarde Red West revela numa entrevista que o interesse era "ajudar" mas também ganhar dinheiro! O livro no final das contas só ajudou os guarda costas a ganharem dinheiro, pois além de deixar Elvis furioso serviu como uma referência para a mídia sensacionalista na época. Red West faleceu no Hospital em Memphis devido a um aneurisma na aorta.




CAPA RARA QUE ELVIS NÃO USOU NO ESPECIAL ALOHA DE 1973 É MOSTRADA POR FÁ



Uma capa mais longa que Elvis usava na década de 70 chegou a ser confeccionada para o espetáculo "Aloha From Hawaii" em 1973. Uma gigantesca águia americana estampou a "super capa" mas seu peso inviabilizou sua utilização. Elvis acabou optando pela capa tradicional que acabou sendo arremessada no final do show do dia 14.01.1973. A capa que não foi usada ainda existe, na foto abaixo fãs a exibem com muito orgulho! Entre elas está Sandi Miller (usando a capa) que tinha amizade com o próprio Elvis!










A BOY FROM TUPELO" SERÁ LANÇADO NO BRASIL APENAS NO FORMATO DIGITAL




O box "A Boy From Tupelo" será lançado em agosto no Brasil, porém no formato digital, ou seja apenas para download. "A Boy From Tupelo" contempla gravações de 1953 à 1955, período em que Elvis esteve na Sun Records! A gravadora acabou entrando para a história do Rock por lançar grandes talentos como Elvis, Carl Perkins, Roy Orbison e Jonnhy Cash!  A novidade do box é uma gravação ao vivo de "I Forgot to Remember To Forget" de 29/10/1955. O formato original do box contemplava 3 CDs e um livro de 120 páginas produzido por Ernst Jorgensen um dos maiores pesquisadores de Elvis no mundo! A Sony recentemente entrou em contato comigo pedindo sugestões para eventuais promoções deste lançamento e de outros futuramente. Automaticamente repassei algumas sugestões e críticas também na qual gostaria de compartilhar com os fãs. Minha primeira sugestão foi para que a Sony abrisse uma canal para que todos os fã clubes possam divulgar juntamente com ela os produtos oficiais de Elvis! Desta forma o Brasil inteiro seria envolvido, visto que há fã clubes em todo o país! Ela aceitou a sugestão e isso foi algo que particularmente me deixou muito feliz, pois teríamos a participação de todos os fã clubes nos lançamentos oficiais. O fato da Sony estar se aproximando dos fã clubes achei altamente positivo, pois acredito que esse seja o caminho correto, se aproximar de seu público alvo pra saber o que esse público pensa! E foi com essa abertura que passei pra Sony algumas críticas também. Críticas que são semelhantes em vários fã clubes que conversei ao longo de vários dias. Infelizmente não consegui conversar com todos, visto meu escasso tempo, mas colhi informações que vieram reforçar aquilo que pensava. Passei para a Sony minha preocupação em ver "A Boy From Tupelo" ser lançado apenas no formato digital e que outros lançamentos também venham apenas para download! Em primeiro lugar devemos lembrar da grande comunidade de fãs veteranos e que muitos deles não tem qualquer intimidade com esse tipo de tecnologia. O fã de Elvis de qualquer idade é faminto por informações e ter somente o formato digital, impede a possibilidade de ter o book de 120 páginas deste box por exemplo! Outro detalhe incomodo é o fato de outros paises terem as duas opções e aqui não, justamente o Brasil que está entre os paises com mais fãs de Elvis no mundo! Outro fato que destaquei é o simbolismo que 2017 representa para a comunidade "Elvis", pois justamente este ano lembraremos os 40 anos da passagem física de Elvis, pra mim que sou tão antenado com tecnologia, não acho que só lançamentos no formato digital marcariam a importância desta data!  A Sony aqui no Brasil não tem uma posição oficial sobre minhas críticas, pois ela segue ordens da matriz fora do Brasil, porém gentilmente recebeu minhas críticas e espero que possam repassa-las adiante! Para quem acompanha nosso trabalho e me conhece pessoalmente sabe o quanto sou sincero em minhas opiniões. Todo fã quer ver Elvis em primeiro lugar, sentimos orgulho de mostrar o quanto ele era magistral! Porém para colocarmos Elvis sempre em evidência, todos devem dar a Elvis a sua devida importância. Claro que no nosso caso iremos divulgar o formato digital que será lançado, mas com aquele sentimento de que poderíamos ter feito mais... 







ELVIS CAI PARA O 4 LUGAR NA LISTA DA FORBES 


    
Saiu o resultado da Forbes de 2016 que também mostra as celebridades (já falecidas) que mais lucram até hoje. O resultado este ano não seguiu a tendência dos últimos anos e Elvis caiu para o 4º. lugar. Em 2015 Elvis havia arrecadado 55 milhões de dólares, agora este resultado foi de 27 milhões. Nos últimos 3 anos Elvis repetiu a marca dos 55 milhões e Michael Jackson apresentava um número decrescente a cada ano (Michael lucrou 115 milhões em 2015). Já este ano Michael Jackson subiu para 825 milhões de dólares, isso devido a venda de parte dos direitos das músicas dos Beatles que eram de posse de Michael! Em 2017 ano que completará 40 anos da partida física de Elvis, promete ser um ano movimentado! Elvis provavelmente deverá subir neste ranking. Segue abaixo o resultado de 2016

01º - Michael Jackson, cantor morto em 2016 (US$ 825 milhões)
02º - Charles Schulz, quadrinista morto em 2000 (US$ 48 milhões)
03º - Arnold Palmer, jogador de golfe morto em 2016 (US$ 40 milhões)
04º - Elvis Presley, cantor morto em 1977 (US$ 27 milhões)
05º - Prince, cantor morto em 2016 (US$ 25 milhões)
06º - Bob Marley, cantor morto em 1981 (US$ 21 milhões)
07º - Theodor "Dr. Seuss" Geisel, escritor e cartunista morto em 1991 (US$ 20 milhões)
08º - John Lennon, cantor morto em 1980 (US$ 12 milhões)
09º - Albert Einstein, físico morto em 1955 (US$ 11,5 milhões)
10º - Bettie Page, atriz morta em 2008 (US$ 11 milhões)
11º - David Bowie, cantor morto em 2016 (US$ 10,5 milhões)
12º - Steve McQueen, ator morto em 1980 (US$ 9 milhões)
13º - Elizabeth Taylor, atriz morta em 2011 (US$ 8 milhões)
 
 
 
 
 
 
NOVA MINISÉRIE SERÁ PRODUZIDA NOS ESTADOS UNIDOS
 
Uma nova série foi anunciada pela Weinstein Television! A parceria foi feita com a EPE e tudo indica que serão dez episódios! Segundo informações a produção terá completo acesso em Graceland. A minisérie será baseada na biografia escrita por Dave Marsh e com anotações pessoais de Elvis. Priscilla Presley, Jerry Schilling, e David Glasser serão produtores executivos. O co-presidente Harvey Weinstein da Weinstein Company disse o seguinte sobre Elvis "Até hoje, Elvis é um dos poucos que se mantêm como ícone", comentou Weinstein. "Ele é um dos artistas mais celebrados de todos os tempos cuja influência transpassa as músicas que ele criou.". Como se aproxima os 40 anos da passagem de Elvis, a minisérie já é um indicativo que muita coisa vai vir ainda!
 
 
 
 
 
 
 
 
     PUBLIFOLHA LANÇA BIOGRAFIA DE ELVIS



A Publifolha acaba de lançar uma biografia de 120 páginas da autora Gillian G. Gaar, a mesma que lançou "O Retorno do Rei". Segundo a Publifolha o livro tem capa dura e traz além da biografia, a reprodução de 29 documentos pessoais de Elvis e também posteres. 
 
Segue a Sinopse da Publifolha:
 
"Item indispensável para colecionadores e fãs em geral, a caixa Elvis Presley® traz um livro em edição de luxo que narra a trajetória da maior estrela do rock’n’roll acompanhado de 29 reproduções de documentos raros. Dividido em capítulos ilustrados com dezenas de fotos marcantes da carreira do cantor e ator nascido no Mississippi (EUA), o volume apresenta sua discografi a, fi lmografi a, a passagem pelo Exército norte-americano, fatos e curiosidades, as turnês e sua infl uência no mundo fashion, além de um passeio por dentro da mansão Graceland, cujos arquivos exclusivos proporcionaram os belos artigos de memorabilia incluídos nesse volume. Os documentos avulsos em fac-símile trazem reproduções de cartas, telegramas, contratos, recibos de compras, material publicitário, ingressos de show, partituras, pôsteres e cheques assinados pelo astro, como o documento de registro de seu cavalo Rising Sun, o convite para uma pré-estreia especial do filme Amor a toda velocidade e até mesmo um cartão de crédito usado que pertenceu ao rei do rock."
 
 
 
 
 
FONTE DE INFORMAÇÕES E AGRADECIMENTOS AO PORTAL ELVIS TRIUNFAL



quarta-feira, 14 de junho de 2017

LIVRO ELVIS MY BEST MAN (CAPITULO 3 PARTE 4)





Continuação do Livro (ELVIS MY BEST MAN) CAPITULO 3 PARTE 4





CAPITULO 3 PARTE 4


Eu segui o exemplo de Dewey ao lançar minha carreira de rádio, e tive o hábito de ir pelo Mesmo armazém de registro para escutar novas músicas como ele fazia . Essa é a forma como eu conseguia um monte de hits que já tocava  no Rock 'n' Roll Ballroom, incluindo o maior álbum de Elvis e ainda, o Double-sided smash single "Dont Be Cruel" apoiado com "Hound Dog". Esta  musica  foi o assunto e O som do verão de 1956, e quando Elvis foi para Hollywood no início de setembro Para gravar seu segundo álbum, não pude esperar para ouvir mais sobre sua mágica do rock and roll. Eu não tive que aguardar o tempo que eu pensava. em Um dia de outono no distribuidor de discos no  RCA Armazém, encontrei seu segundo álbum - um par de semanas antes de ser lançado ou  ser um disco  Disponível para qualquer um. O álbum (intitulado Elvis, assim como o primeiro) teve uma ótima foto de capa de Elvis Contra um fundo dourado, vestindo uma linda camisa listrada rosa e cinza, rasgando seu violão e Olhando para o céu. Notei imediatamente que a lista de músicas incluiu "paralyzed" por Otis Blackwell, Que escreveu "Dont Be cruel" e "Love Me" por Jerry Leiber e Mike Stoller, os jovens  gênios Compositores de rock 'n' roll que surgiram com "Hound Dog". Também fiquei um pouco surpreso ao ver que  O álbum incluiu a primeira música que eu já Havia ouvido na voz de   Elvis, feita para um cão fiel que teria de ser sacrificado, esta foi a primeira musica que Elvis Realizou na classe de Miss Marmann de volta a Humes, "Old Shep".Fui direto para o estúdio WMC e joguei o álbum em uma sala de controle vazia, então eu Poderia aproveitar tudo sozinho. E quando eu estava ouvindo "ready teddy" no lado Dois, me atingiu, toda vez que eu pensava ter ouvido o melhor que  Elvis poderia fazer, ele me explodiu por toda parte novamente. Assim que cheguei ao final da última faixa (Webb Pierce "Como você pensa que eu me senti ?"), eu Peguei o telefone e chamei


Resultado de imagem para elvis on Ellis auditorium


(ELVIS MY BEST MAN)


Elvis em casa, sabendo que ele apenas voltaria para a cidade depois de terminar seu Trabalho de cinema em Love Me Tender. Sua mãe o colocou na linha, e eu o deixei saber como eu me sentia sobre o novo Disco  Houve um silêncio no final, e ele disse: "De que disco você está falando, GK?""Seu segundo álbum, Elvis". "Voce deve estar brincando. Onde você conseguiu? ""Eu simplesmente fui ao distribuidor e escolhi apenas Isso. Eu vim para a estação para tocar, e É simplesmente ótimo. ""Homem, GK - eu não sabia que isso já estava fora da gravadora , e eu nem tenho uma cópia", disse ele. "Poderia Você traz para a casa uma copia para mim? "Claro, eu disse que ficaria feliz. E enquanto eu geralmente estava hesitante em pedir a Elvis por quaisquer favores, Naquele dia eu perguntei se estava certo para um fotógrafo da WMC vir comigo quando eu o entregasse o álbum. Isso foi bom para  Elvis, e acabei com algumas fotos fantásticas de nós segurando o álbum Juntos, sentados em sua grande motocicleta Harley-Davidson e de pé perto de  seu brilhante e branco Mark II Lincoln Continental.Uma tarde no início de dezembro de 1956, Elvis parou na  WMC e se ofereceu para me dar uma volta para casa Em um carro que eu ainda não tinha visto - um novo Cadillac Eldorado. Naquele passeio, eu mencionei a ele que A WDIA estava tendo sua festa de boa vontade anual naquela noite no Ellis Auditorium, para  uma das duas grandes instituições de caridades e  Eventos feitos pela estação todos os anos para arrecadar dinheiro para crianças e famílias carentes. O evento Era bem conhecido por atrair talentos negros de alto nível para tocar para uma grande audiência negra. Naquele ano A formação do Goodwill foi definida para incluir Ray Charles, antigo musico  da WDIA B. B. King, e um pianista fantástico chamado Phineas Newborn, e uma série de grupos gospel, e seria apresentado  por Rufus Thomas,



(ELVIS MY BEST MAN)
 
Vestido como o personagem Chief Rocking Horse. Elvis ficou entusiasmado com o evento imediatamente e Sugeriu que o acompanhássemos juntos.Algumas horas depois, estávamos, entrando na área de bastidores do Ellis Auditorium. Uma das  primeiras pessoas em que nos deparamos foi Rufus Thomas - que realmente recebeu calor para fazer alguns Cruzamento reverso de linhas de cor, e tocar os discos de Elvis na WDIA. Ele veio logo com um grande Sorrisp, agarrou Elvis e agradeceu por ter vindo. "Você vai cantar para nós esta noite, Elvis?" Rufus perguntou.?  A maior preocupação de Elvis no caminho para o show foi que ele queria ser tão discreto quanto possível, e Não fazer  nada para ser motivo de distrair dos desempenhos dos atos agendados. "Esta é a sua noite, Rufus", ele disse. "Eu não pertenço a esse estágio"."Bem, se não pudermos fazer você cantar", disse Rufus, "deixe-me apenas te apresentar e você simplesmente pega um arco. Muitas pessoas lá, claro, gostariam de vê-lo "."Isso ficaria bem", disse Elvis. Nós trabalhamos nos bastidores por um tempo, conhecendo os artistas daquela noite. Nós cruzamos caminhos com B.B. King e ele e Elvis falaram por um tempo - um momento apanhado pelo grande fotógrafo Ernie Withers (que continuaria a capturar tantas imagens duradouras do movimento dos direitos civis). ou de  Quem quer que seja, Com a conversa, vi que Elvis sempre tinha uma orelha inclinada para a música que estava sendo tocada no palco e uma certa  Identidade Passei tanto tempo agora desfrutando a música de Elvis que era interessante vê-lo completamente Transportado pela música que ele estava ouvindo.Quando Rufus Thomas passou por apresentar Elvis, ele praticamente teve que retirá-lo no palco. e Como Logo que a multidão o viu, o lugar ficou louco. Eu não acho que tenha atravessado a mente de Elvis de  como  ele era famoso conhecido e amado por todos lá  e que estava Cruzando uma linha de cores - ele não pensou assim. Ele simplesmente queria estar no Goodwill Revue Porque ele queria ouvir Ray Charles e todos os outros atos, embora eu saiba que ele  deve ter se sentido bem em ter sido aceito tão calorosamente e com entusiasmo lá. Elvis respondeu à multidão fazendo um dos seus famosos balanceios de  perna e o lugar entrou em erupção em um rugido que soou como um terremoto, com negros  jovens As meninas negras corriam para  o palco do jeito que as garotas brancas faziam em outras aparições .No rádio, Dewey Phillips havia deixado de lado questões de raça para tocar "boa música para pessoas boas". Eu tentei seguir esse exemplo ao colocar uma grande musical de rock 'n' roll no ar, sem levar em conta Se o artista ou o público era preto ou branco. Agora, Elvis, da maneira mais casual, poderia Obliterar todas as coisas estúpidas que deveriam separar as pessoas simplesmente agitando uma perna no Ellis Auditório. Sim, havia "emoção bruta" lá. E, dos sons dessas meninas, havia algo "sexual e de imenso  Conteúdo "também. Talvez Elvis realmente fosse uma ameaça para algumas das ideias  e atitudes estabelecidas da nossa sociedade, Mas talvez não fosse tão ruim assim. Talvez as pessoas que  tiveram tanto medo da música rock and roll não esperavam  que Elvis Presley tinha realmente tinha o poder de mudar o mundo.
 
 


CONTINUA,,,,,,,,,,

 

segunda-feira, 12 de junho de 2017

LIVRO ELVIS MY BEST MAN (CAPITULO 3 PARTE 3)




Continuação do Livro (ELVIS MY BEST MAN) CAPITULO 3 PARTE 3





CAPITULO 3 PARTE 3

 Ele parecia ter um grande prazer  De me ouvir, juntou minhas rimas loucas, apresentando um disco e, além de "DJ Uh", ele Surgiu com um novo apelido provocador para mim: "o idiota do banquinho".Ele particularmente gostou de uma das rimas que eu comecei a usar para apresentar seus registros: "Aqui está o Rei para Cantar. "Não posso dizer com certeza que fui o primeiro  a chamar Elvis de " o Rei ", mas nem ele nem eu tivemos a ideia de Ouvir alguém mais usar este termos antes disso.Como um cara que joga principalmente discos de rock preto para pretos e para crianças principalmente brancas, eu deveria ter estado certo, No meio do conflito cultural da música, mas para ser honesto, não acho que tenha recebido uma carta irritada De um pregador ou de um professor ou de um pai. Eu estava vivendo no sul em segregado, mas eu realmente Acho que houve algo especial sobre Memphis que permitiu que as pessoas se juntassem através da música De maneiras que sem a musica  não haveria outra forma. Seria impensável ver um rosto preto no Jack's, o Hambúrguer, junto com um rosto branco e adolescentes, descendo a rua de Humes High (e na verdade não ocorreu em Nós que uma pessoa negra poderia  querer ter um hambúrguer no Jack's). Mas quando cheguei ao registro das  Lojas, havia  uma mistura de rostos em preto e branco que parecia se dar bem. Para muitos de nós, O amor da música excelente foi simplesmente mais importante do que qualquer diferença na cor da pele - uma lição que eu aprendi Por exemplo, assistindo Dewey e Sam Phillips no trabalho. Eu vi os famosos clipes de notícias dos gerentes de estações de rádio ao redor do país que rompem o rock 'n' roll Registrar e declarar que não tocariam nenhuma música "de rock na sua estação, mas nunca ouvi falar disso destes Tipos de conversa nas estações em que eu estava. E mesmo em toda a cidade em Memphis, você pode ouvir as pessoas usarem A palavra Rock mas não era legal falar assim por qualquer um que eu conhecia, e a palavra era Geralmente considerado algo que sairá da boca de alguém que simplesmente não eramuito brilhante. Pessoas de fora da cidade às vezes ficavam surpresas com a forma como nos dávamos  em Memphis. Agora que eu Estava em uma das estações de rádio maiores da cidade, comecei a ser visitado por proprietários de gravadores e promo Homens que entregariam cópias de suas últimas gravações e faziam um arremesso para tocar  suas músicas no ar. Conheci alguns dos pesos-pesados lendários reais daquele lado do negócio - Leonard Chess of Chess Records, Joe Kolsky de Diamond Records, Jerry Wexler do Atlântico, Morris Levy of Roulette Records, Lester Bihari de RPM Records. Estes eram alguns caras reais  difíceis, alguns famosos de terem mob Conexões, e eu sempre obtive a mesma resposta deles: eles não podiam acreditar nisso em Memphis, Seus registros de rock preto e da roda negra de alta energia estavam sendo tocados  para todos, crianças brancas do sul Por um pequeno judeu. Uma noite, Elvis, Dewey e eu fomos ao Clube de Variedades juntos - um clube privado que era o único Local na cidade para servir bebidas misturadas e que fique aberto depois da meia-noite - e eu fiquei de olho em algumas das Bondades e o bom humor que faziam parte da natureza de Elvis. Em seu último ano em Humes, Elvis Trabalhou como um dos lanterninhas  do cinema Loews State na Main Street, no centro de Memphis. Durante  Essa posição ele teve a chance de assistir os filmes que jogavam lá mais e mais, ele  se tornou um real Estudante de cinema. Ele assistiu James Dean e Monty Clift e Marlon Brando e viu como  mudaram,  falas  e obtiveram o maior impacto com os gestos mais pequenos. Ele prestou atenção suficiente para pegar um Conhecimento intuitivo do meio que mais tarde surpreenderia o pessoal de Hollywood quando Elvis começou Fazendo seus próprios filmes.Mas quando Elvis não estava assistindo a tela grande, ele aparentemente passou muito tempo assistindo uma muito Bela garota que trabalhou atrás do balcão de doces - uma garota que respondeu à atenção de Elvis dando a Ele doce grátis . Quando outro, invejável novato informou os brindes de doces ao gerente de teatro, Elvis e aquele empresário acabaram em uma briga, e Elvis foi prontamente demitido pelo gerente, um colega Chamado Arthur Groom.
 
Imagem relacionada


 (ELVIS MY BEST MAN)


Quando Elvis e Dewey e eu entramos no Variety Club,  estava sentado no bar,  o Sr  Groom.
. Ele nos viu nos sentando em uma mesa e veio para dizer olá. Elvis já estava bem sucedido
O suficiente para ele ter sentido a obrigação de ter se  justificado por ter sido grosseiro com alguém que o havia despedido. Mas Elvis  ele era Extremamente educado e cordial, ainda abordando seu ex-chefe como "Mr.  Groom. "ou" senhor ".Os dois compartilharam um Um par de risadas e Groom parabenizou Elvis com o quão bem ele estava fazendo e brincou que se ele não tivesse O demitiu, Elvis pode ter sido assistente de gerente no estate Loews até agora. (Para registro, O primeiro filme de Elvis, Love Me Tender, teria sua estreia em Memphis no próximo ano nesse mesmo teatro onde  Ele tinha sido demitido.) 
por volta do Natal de 1955, Elvis e Dewey e eu voltamos para o Variety Club. Dewey e eu Não havíamos  visto Elvis por um tempo, mas ele apenas deu um grande passo em sua carreira, deixando o Sol de Memphis e Registros para a RCA, uma empresa de grandes marcas a maior. Talvez porque fosse em torno dos feriados, três de nós fomos  os únicos  naquela noite, em algum lugar em torno de  A.M.  Elvis fez sua ida Até o piano beat-up do clube."GK, Dewey - venham aqui", disse ele. "Eu quero que vocês ouçam essa nova música que vou cantar". Ele tocou uma guitarra no palco, mas o piano era seu segundo instrumento - ele tocava de ouvido e podia trabalhar Através de quase qualquer música que ele gostava. Ele começou a tocar algo que parecia muito diferente De qualquer coisa que tivéssemos ouvido dele antes. Não era um rocker de alta energia ou um som com ritmo elevado Sintonizar um blues baixo-baixo. Era algo quase assustador, com um ritmo de stop-and-start que realmente Puxava  você para a música. Ele estava tocando "Heartbreak Hotel". Enquanto ele cantava através dos versos, Dewey e eu nos olhamos, e nós dois sabíamos o que o outro Estava pensando: esta era uma música de um inferno. Como Elvis cantou a última linha - "Sente-me tão solitário, eu poderia morrer ... "- não podíamos nos conter. "Merda, Elvis", gritou Dewey, "é fantástico. Onde você conseguiu isso? " Elvis explicou que tinha vindo de uma professora da Flórida chamada Mae Axton, que havia feito Algum trabalho de promoção para o novo gerente de Elvis, o coronel Tom Parker. Ela até lhe deu um terço de  crédito do escritor sobre a música, sobre suas objeções, porque esperava que ele ganhasse dinheiro suficiente para trazer  seus pais para férias na Flórida. "Maldição - esse é um sucesso, Elvis", eu disse. Elvis sorriu timidamente e colocou mais algumas notas no piano. " e  disse ele. "Vai ser Minha primeira versão na  RCA. Eu acho que é uma boa maneira de começar ".Não poderia haver uma maneira melhor de começar. Em janeiro de 1956, Elvis gravou "Heartbreak Hotel "em Nashville como parte de sua primeira sessão de gravação na RCA. Apenas semanas depois, "Heartbreak Hotel" Tornou-se seu primeiro número, um milhão de vendas. Ele não estaria trabalhando  mais dirigindo Caminhões. Ele disparou para Bill Haley  que  havia  começado logo após ele. Por toda a sua loucura e sua personalidade extremamente divertida, Dewey Phillips  sempre teve uma ótima orelha para música. Aproveitou toda a liberdade para tocar  o que queria, mas também juntou um Most que crianças como eu sentiram que tinham que escutar para saber o que estava acontecendo na música atual  Trabalhando com Dewey, eu aprendi um dos segredos de seu sucesso - ele era um dos únicos caras Para fazer viagens regulares aos armazéns de discos-distribuidores para ouvir novos solteiros antes de qualquer outra pessoa. Ele teria de  descobrir
 
Resultado de imagem para elvis and george klein
 
 
(ELVIS MY BEST MAN)
 
 
  quais registros estavam apenas começando a ficar quentes em todo o país com base em suas ordens e pegar Cópias do distribuidor antes que qualquer outra estação de rádio os possuísse. Uma e outra vez, ele foi o primeiro disc jockey na cidade a tocar  o novo e esmagador Chuck Berry ou Bo Diddley ou qualquer outra pessoa.




CONTINUA,,,,,,,,,,,

quinta-feira, 8 de junho de 2017

LIVRO ELVIS MY BEST MAN (CAPITULO 3 PARTE 2)




Continuação do Livro (ELVIS MY BEST MAN) CAPITULO 3 PARTE 2



(CAPITULO 3 PARTE 2)


 Dentro de um ano, Johnny e eu iriamos renovar  nosso conhecimento no estúdio de Sam Phillips quando Johnny começou a gravar para o Sun,  Johnny me avisou o quanto ele se estava  apreensivo sobre a  KWEM e Finalmente ter  recebido uma chance de tocar  no programa de ritmo e blues da estação, The Jack the Bell, boy Morning Exposição. Tendo visto Dewey no trabalho, eu sabia que era crucial fazer algo que me tornasse mais Do que apenas uma voz entre canções - algo que me faria destacar me como uma personalidade. Eu tinha gasto Tempo suficiente em torno de músicos para pegar um pouco da gíria de hipster que estava entrando em estilo -Frases como "Tudo é legal, baby", na verdade, eu era  fresco nas ruas naquela época. eu comecei Falando sobre esse estilo de conversa no ar e rapidamente descobri que eu tinha uma habilidade para fazer Rimas no local: "Ei, este é o DJ GK que vem na  sua maneira louca em uma segunda-feira com discos para tocar, em  cena com minha máquina de gravação rock 'n' roll. Baby, não quer dizer, talvez, pendure comigo por isso é só Eu e você e Memphis, Tennessee- "Acredite ou não, pegou, e dentro de seis meses eu fui considerado um "atleta quente". Minha estação era Muito pequena para pagar a subscrição dos serviços de classificação que lhe diziam o tamanho do seu público, mas nós Medimos nosso sucesso pela quantidade de mensagens que recebemos. Não demorou muito para que eu obtivesse mais de cem Cartas em um dia junto com uma pilha de telegramas, e eu tive que vir em algumas horas mais cedo para ir Através do correio. Ao ler algumas dessas cartas de solicitação no ar, desenvolvi minha própria especialidade Nick de rádio. Um monte de mensagens  foram dirigidas  a mim como "DJ GK", mas quando eu li-os durante o show, eu Às vezes fazia uma pausa enquanto eu fazia uma varredura para ver a música que estava sendo pedida, de modo que saia com uma voz Um pouco gaguejante: "Querido DJ-uh-GK." Isso aconteceu o suficiente para que os ouvintes esperassem, então eu parei de ficar Tentando corrigir , e "DJ-uh-GK" tornou-se minha marca. (Quando eu ia ver Elvis em shows pelas cidades, ele dirigiria a Mim encurtando ainda mais para "DJ Uh".)Eu estava me sentindo bem com o meu show da manhã, mas as coisas logo mudaram de uma maneira grande. Uma manhã, eu Recebi um telefonema de Bill Grumbles, um colega que havia sido gerente geral da WHBQ quando eu Trabalhei  com Dewey, e que agora estava gerenciando a WMC, uma estação da NBC em frente à rua Chisca Hotel. "George, você está ciente de que você é o número dois da manhã? O que você quer dizer," número dois, "Sr. Grumbles?""Você obteve o show de manhã com número dois o segundo programa mais ouvido  em toda a cidade  de  Memphis. Toda a cidade. Parabéns .Ele não estava ligando apenas para ser legal. Ele ofereceu para dobrar meu salário se eu tocasse  a tarde rock 'n'Roll show no WMC. Ele teve um nome em mente para esse show - o Rock 'n' Roll Ballroom do George Lein Klein. Eu Gostei do som disso. No outono de 1955, "rock and roll" era um grande negócio. Essa frase foi usada cada vez mais para descrever O novo tipo de música que está sendo feita pelos gostos de Chuck Berry, Little Richard, Fats Domino e BoDiddley, e tornou-se uma descrição excelente de seu som do que "ritmo e blues". Provavelmente, o único O registro que realmente anunciou a chegada do rock and roll foi o "Rock Around the Clock" de Bill Haley,  Que se tornou extremamente popular em 55 depois que foi usado durante os créditos de abertura do filme Blackboard Jungle, e se tornou a primeira música de rock and roll a atingir o número um no recorde nacional Gráficos. Claro, nem todos estavam felizes com a chegada do rock 'n' roll. Em todo o país, todos os tipos de Autoridades - professores, pregadores, prefeitos - condenavam os "ritmos primitivos" da música, "crua Emoções "e" conteúdo sexual ". A música Rock 'n' roll foi vista como um promotor da imoralidade, um fogo seguro Caminho para a delinquência juvenil e, mais incrivelmente, como um encorajamento para uma mistura inaceitável de raças

.
Resultado de imagem para elvis and george klein
 
 
(ELVIS MY BEST MAN)

Aqueles que viram o rock 'n' roll como uma força de troca para o pior pensamento que tinha que serCombatido  de volta em cada turno. As escolas reprimiram os códigos de vestimenta, as danças foram canceladas e, com Todo o novo rock 'n' roll atingiu os gráficos, houve uma enxurrada de editores anti-rock 'n' roll em
Jornais. Em uma tentativa de suavizar a influência do rock 'n' roll, havia mesmo uma pequena indústria artesanal De versões de capa branca de algumas das grandes músicas gravadas por artistas negros - mas ficou claro Muito rápido que, se as crianças quisessem ouvir "Não é uma pena", eles queriam ouvir Fats Domino cantar Não, Pat Boone. Francamente, muitos de nós estávamos ocupados ocupando o rock and roll,  para perder  tempo Preocupado com a reação.Elvis era certamente um rolo pioneiro de rock and roll, fazendo o seu caso fortemente com ótimos singles  Como "Good Rockin 'Tonight". E quando ele começou a ser mais popular, ele começou a sofrer  muito com as acusações de que ele era uma "ameaça" que ele colocou  marginalidade e delinquência sobre  juventude da nação. Mas em 1955 ele ainda estava misturando o país, tinha  blues, gospel, E pop em seu som, e foi realmente considerado uma ameaça ao  país por seu modo de  agir e criticado  por muitos devido à sua aparências Durante todo o ano nos programas de rádio Louisiana Hayride. Na verdade, tenho uma memória aguda de um pouco deConversa que tive com Elvis naquele ano, numa noite em que ambos acabamos no WHBQ novamente, aguardando estar  com Dewey depois do show. Eu sabia que Elvis tinha sido um enorme sucesso naqueles dias em  Louisiana hayride  e foi rapidamente subindo a conta de um ato de abertura para uma estrela em destaque para umHeadliner. "Elvis, parece que você está em concorrência com Webb Pierce e Ferlin Husky e Hank Snow", eu Disse, citando algumas das principais estrelas do país com as quais ele apareceu.Ele balançou a cabeça e soltou um pequeno resmungo de risada."Não, George. Estou atirando para Bill Haley. "Nós não sabíamos disso, mas em apenas alguns meses rápidos, Elvis, na verdade, estaria no topo, Cartas, com ninguém confundindo-o com um crooner do país.Eu estava bem ciente de que o rock 'n' roll tinha o poder de ofender, bem como excitar quando eu lancei meu primeiro Dia na WMC com a minha primeira transmissão do The Rock 'n' Roll Ballroom. Mas eu decidi que se eu estivesse indoPara ser ofensivo, eu faria isso de uma maneira grande. Eu me apresentei aos ouvintes da WMC, tocando mais alto, O mais difícil disco de rock and roll poderia pensar: o mais novo single de Little Richard, "Tutti Frutti". Eu estava Oficialmente balançando e rolando. Eu continuei tocando os registros altos e difíceis do rock 'n' roll que eu amei na WMC, e muito rapidamente o correioComeçou a derramar exatamente do jeito que tinha na KWEM. E não demorou muito para os escritores de cartas, Eles estavam aparecendo. Muitas estações naquela época deixariam as crianças assistirem a um disc jockey ou uma Transmissão, mas não havia muito espaço nos estúdios da  WMC, então a estação tomou a decisão de dar me um espaço real de tamanho de salão: um auditório de 300 lugares no prédio do Instituto Goodwyn, Onde a WMC tinha seus estúdios. Eu ficaria no palco na cabine de transmissão especial que a estação me construiu,Trabalhando fora fazendo o meu show regular, e as crianças poderiam vir e sentar-se e assistir apenas o caminho Eles fariam em um show ao vivo. Algumas pessoas de rádio podem não ter gostado de serem transformadas em uma vida de  Artista daquele jeito, mas, francamente, eu adorei. Foi realmente um chute para se alimentar da energia de uma multidão ao vivo,E nada me fez mais feliz do que tocar uma música que fez as pessoas dançarem  nos corredores do auditório. Elvis teve um monte de singles com  Sun Phillips 'na  Sun Records agora, e eu fiz um ponto para tocar todos Eles sempre impressionaram e sua música parecia melhorar e melhorar. (Na verdade, eu sempre pensei "Leite Cow Boogie" foi um pouco fofo, mas músicas como "Mystery Train" e "Baby Let's Play House"Eram assassinas .) Ocasionalmente, o próprio Elvis se apresentaria durante o meu show para deixar um novo recorde e Passeios  nos estande comigo, da mesma maneira que ele teve com Dewey.
 
 
Imagem relacionada
 
 
(ELVIS MY BEST MAN
 
 
 
 
 
 
CONTINUA,,,,,,,,,,,,,
 
 
 

NOTICIA DO MUNDO ELVIS

Resultado de imagem para elvis 1959




BOX "A BOY FROM TUPELO" SERÁ RELANÇADO EM JULHO DE 2017



O Box "A Boy From Tupelo" será relançado no dia 28 de julho! O box contempla gravações de 1953 à 1955. São 3 CDs e um livro com 120 páginas. O mega expert em Elvis, o pesquisador Ernst Jorgensen foi quem escreveu e produziu este trabalho! A novidade é uma gravação ao vivo de "I Forgot to Remember To Forget" de 29/10/1955, recentemente descoberta. São gravações obrigatórias não somente para fãs, mas para qualquer um que deseja compreender a importância de Elvis na história do Rock! 










JORNAL “THE GUARDIAN” LANÇA ARTIGO ALEGANDO QUEDA NA POPULARIDADE DE ELVIS E RECEBE AVALANCHE DE CRÍTICAS



















Um dos mais tradicionais e importantes jornais do Reino Unido, o “The Guardian” lançou um artigo em maio de 2017 alegando uma queda na popularidade de Elvis. Segundo o jornal uma pesquisa com 2034 jovens entre 18 a 24 anos mostrou que 29% deles nunca ouviram uma canção de Elvis. O The Guardian queria saber dos jovens quais ídolos ou bandas que não existem mais, seriam seus prediletos. Segundo o The Guardian, 25% deles escolheram “David Bowie”; 23% escolheram os “Beatles” e 12% escolheram “Elvis”. Estranhamente no mesmo mês de maio de 2017 o The Guardian lançou outro artigo dizendo que a venda de artigos raros de Elvis também perdeu valor devido à falta de interesse do público! Porém o jornal não ponderou alguns fatos: 1º. Tentem fazer a mesma pesquisa nos Estados Unidos e vamos comparar os resultados. 2º. Apesar dos Beatles terem acabado em 1970, seus membros continuaram na ativa por anos, sendo que Paul e Ringo ainda fazem shows. 3º. David Bowie faleceu no ano passado e é muito comum após a morte de um ídolo, ele ficar em alta por um período (vide Michael Jackson em 2009). 4º. Como explicar as mega turnês de Elvis in Concert pelo mundo, incluindo o show “The Wonder of You” com arenas lotadas? 5º. Como explicar Elvis ter voltado a ser número 1 com as vendas dos CD’s “If I Can Dream” e “The Wonder of You” justamente no Reino Unido? 6º. Elvis “saiu de cena” há 40 ANOS, obviamente muito mais tempo que David Bowie e Beatles, mas está entre os 3 mais “lembrados”. E o que aconteceu com todos os outros ídolos já falecidos? Por que apontar somente para Elvis, fica aqui esta pergunta! Para sustentar suas teorias o The Guardian solicita a opinião de David Hesmondhalgh um Professor de Música da Universidade de Leeds que faz o infeliz comentário: “Se você perguntar a uma criança pequena sobre Elvis, o fato de que o cantor morreu sentado no vaso sanitário por comer demais ou de que ele vestia roupas ridículas é tudo o que essa criança vai registrar. A música ficou menos importante que a caricatura. A imagem de Elvis foi rebaixada”. A opinião deste professor (que necessita urgentemente de uma reciclagem) é a mesma de muitas pessoas na mídia sensacionalista que desconhece a dimensão do legado de Elvis. Se estas “crianças” que o professor se refere tivesse acesso ao legado musical de Elvis e não a opiniões que certas pessoas fazem, será que elas iriam fazer chacota de Elvis? Eu apostaria minhas fichas que não, vide o exemplo do sucesso de Lillo & Stitch em 2002! Depois deste desenho animado houve uma leva de novos fãs mirins devido a trilha sonora! Elvis não está nas TVs abertas, não está na programação das grandes rádios (por isso a importância das Web rádios organizadas por fãs) e mesmo assim Elvis movimentou 382 milhões de streams no Spotify em 2016. Nesse aspecto o The Guardian até reconhece que Elvis ainda é muito procurado, mas sempre procura minimiza-lo! O legado de Elvis é muito poderoso, mas para isso ele precisa chegar até o conhecimento das pessoas! Infelizmente ainda há quem torce contra e depois culpa o próprio legado de Elvis! Como não poderia ser diferente, o “The Guardian” recebeu uma avalanche de críticas nos comentários do artigo! Eles poderiam fazer outro artigo do tipo: “Como um artista que faleceu há 40 anos ainda tem uma legião de fãs tão fiel como Elvis?” ou refazer essa pesquisa daqui mais 40 anos! Eu já sei quem estará entre os primeiros! Só não perguntem do nome do professor da Universidade de Leeds, esse será engolido pela história, ELVIS não!









FONTE DE INFORMAÇOÊS FOTOS TEXTOS E AGRADECIMENTOS AO PORTAL ELVIS TRIUNFAL





sexta-feira, 2 de junho de 2017

LIVRO ELVIS MY BEST MAN (CAPITULO 3 PARTE 1)




Continuação do Livro (ELVIS MY BEST MAN) CAPITULO 3 PARTE 1



CAPITULO , 3 PARTE 1




CAPITULO 3
 

NO RADIO

 
 Meu primeiro grande momento atrás de um microfone em Memphis não foi exatamente o mais elegante dos shows: em uma Tarde ensolarada no outono de 1954, eu estava dentro da barriga de um índio de madeira de trinta pés de altura que Estava no estacionamento da Drug Store de Katz. A barriga de madeira compensada do índio  tinha sido transformada em uma cabine de transmissão temporária, e nesta Posição elevada, eu assumi a grande inauguração do Centro Comercial Lamar Airways em Memphis - o primeiro grande shopping de tira a ser construído na área de Memphis. Eu havia deixado Osceola no final do Verão e voltado  para minha cidade natal para continuar os estudos no Estado de Memphis. Enquanto eu não esperava Minha próxima oportunidade de carreira para vir na forma de um índio  de madeira, uma agência de publicidade me contratou para Trabalhe na grande inauguração do shopping como um  disc jockey ao vivo, no local, um trabalho de dois dias que me obrigou a tocar musicas  para a multidão de compradores enquanto se misturam em comerciais e anúncios que promovem Os novos negócios: "Oi, senhoras e senhores, este é" OK "George Klein, e esse foi o Big Joe Turner com 'Shake,Rattle and Roll' - e não se esqueça de abrir o caminho para Jimmy Jones's Paint Store, onde Eles têm um especial hoje em galões de tinta látex ... "O shopping center também havia alinhado algum entretenimento ao vivo para o segundo dia de festividades: meu  colega de classe Elvis Presley, juntamente com seus músicos de apoio, o guitarrista Scotty Moore e o baixista Bill Black,  Eu toquei minha cópia de "That's All Right, Mama" em Osceola dois dias depois de Dewey ter tocado É para mim (acho que posso dizer com segurança que eu sou o segundo disc jockey a tocar  Elvis Presley no rádio).  Eu estava ansioso para ver o segundo single de Elvis, "Blue Moon of Kentucky", subir as paradas do país, E eu tinha ouvido que ele e sua banda haviam agitado as coisas quando eles tocaram ambas as músicas como parte de uma Conta de concerto em Memphis's Overton Park bandshell. Agora, como parte dos meus deveres eu estava indo para Apresentar Elvis antes de dar sua primeira apresentação pública, e eu mal podia esperar para ver Meu velho amigo de  Humes High em pessoa novamente. De onde eu estava trabalhando dentro do índio, eu não podia ser visto pela multidão, mas eu tinha um slot para Olhar para fora, e quando eu vi Scotty e Bill chegarem no estacionamento eu fiz uma pausa e fui Abaixei os degraus da parte de trás do meu indio para dizer oi para eles. (Eu conheci Scotty um pouco,  de Trabalho de sessão que ele estava fazendo para o produtor Sam Phillips na Sun Records.) Nós acabamos de começar Fazendo uma pequena conversa quando vi um rosto familiar aproximado - um rosto que acendeu com surpresa quando Olhou para mim. "OK - o que você está fazendo aqui?"




(ELVIS MY BEST MAN)
 
"Estou aqui para  apresentar  você, Elvis. Eu tenho conversado sobre você  o dia todo ".
Nós rimos e apertamos a mão e rapidamente nos alcançamos; Eu disse a ele o quanto eu gostava de
suas  musicas  e ele me disse que ele tinha ouvido que eu estava trabalhando com Dewey. Ainda não éramos o que eu gostaria verdadeiros amigos  Considere amigos muito amigos, então era quase estranho o quão bom era vê-lo, e o que era bom.  saber que ele estava feliz em me ver.
Eu não era a única pessoa trabalhando em circunstâncias incomuns naquele dia - em vez de estar em um palco  Elvis, Scotty e Bill tiveram que tocar  em um caminhão de plataforma estacionado atrás de Katz. Quando eles estavam prontos, subi no caminhão e fiz a minha introdução:"Senhoras e senhores, aqui está o momento que vocês estávam esperando. Pela demanda popular, o mais quente e Novo talento nas paradas da Billboard, o orgulho da Humes High School, a que eles chamam o Hillbilly Cat: senhoras e senhores, o próprio Elvis Presley de Memphis, com Scotty e Bill!Quando pisei o palco improvisado, o trio deu inicio a that's alright mama", que  foi Seguido de algumas outras músicas novas de trabalho e finalmente "blue moon of Kentucky" - um Desempenho que durou um total de talvez trinta minutos. Elvis não se moveu tanto quanto ele Poderia ter feito  porque, afinal de contas, ele estava de pé atrás de um caminhão, mas ainda assim  a energia que ele e Os caras haviam  gerado foi  intensa .Não posso dizer com certeza que depois de assistir a Elvis tocar nesse dia eu sabia que ele seria uma estrela, mas eu Tinha certeza de que ele ganharia a vida fazendo o que estava fazendo, e isso sozinho parecia bastante grande e com certeza isso iria estourar a qualquer momento. A outra coisa  com que eu tinha certeza daquele dia era que eu fiquei  muito quente dentro de um índio de madeira. Eu Queria fazer o impossível  para voltar a um estúdio real. Meu próximo trabalho em Memphis foi um trabalho de rádio real, embora não durasse tanto quanto o shopping center Show: trabalhei um dia na WDIA, a estação pioneira que colocou o talento negro no ar e virou Muitos de nós, crianças brancas, no poder do ritmo e do blues. Todos os jockeys de disco da WDIA eram negros,Mas os operadores da placa eram brancos, e aqueles caras trabalhavam nos controles enquanto os atletas estavam ligados e Então leia as notícias no ar no topo da hora. Eu deixei alguns dos meus airchecks no estúdio, E um diretor de programa chamado David James aparentemente sentiu que eu merecia uma chance de trabalho. Ele me fez fazer As notícias durante a tarde de Rufus Thomas, Hoot e Holler show. Ainda não tenho certeza se eu soou também Jovem, muito branco, ou simplesmente não " o suficiente, mas, no final do dia, me disseram que a estação aumentava Não precisava que eu voltasse no dia seguinte. O Sr. James ajudou a suavizar o golpe quando ele me disse,"Não deixe isso desencorajar você, George. Você está começando e você tem talento. Mantenha isso eVocê tem um tiro real em alguma coisa ".Peguei essas palavras no coração e, algumas semanas depois, peguei um tiro, embora não estivesse exatamente fazendoTipo de programa de rádio que eu tinha em mente. Uma pequena estação chamada KWEM me contratou para lidar com seus religiosos Transmitido aos domingos. Depois de ter tantas noites loucas com Dewey, senti-me estranho de estar cedo no Domingos  de manhã na cabana de Quonset, onde a estação estava alojada, tocando música espiritual, supervisionando Transmissões remotas de igrejas, tocar fitas de sermões, e até mesmo ter pregadores se juntarem a mim no Hut para fazer a sua pregação ao vivo no ar. Havia um pregador que pagava o seu tempo de rádio Vendendo a seus ouvintes "panos de oração". Lembro-me de ele lendo o que ele disse que era um depoimento de um Soldado que estava na Guerra da Coréia, alegando que uma bala havia saltado do cofre do soldado Porque ele tinha seu pano de oração no bolso da camisa ao lado de

 seu coração. Eu tive minhas dúvidas, mas o pregador Vendeu alguns desses panos.Quando a
 KWEM me ofereceu uma hora de música country aos sábados, pulei e fiquei rápido nos  Estudo dos sons do país. Esse trabalho também me obrigou a ficar ao redor das tardes de sábado, quando A estação permitiu que qualquer pessoa com vinte e cinco dólares para comprar um bloco de hora de tempos de quinze minutos para eles mesmos. Uma tarde, respondi a uma batida na porta do estúdio para encontrar um alto, imponente, sombrio um sujeito com um violão que se apresentou educadamente para mim. O nome dele era Johnny Cash, e seu O empregador - a Home Equipment Company - colocou o dinheiro para ele se apresentar com sua banda,O Tennessee Two (Luther Perkins e Marshall Grant). Então, não muito tempo depois de assumir o trabalho de caminhoneiro como  Elvis ele também não tinha a Aparência de caminhoneiro , eu tenho certeza  que eu iria  fazer parte do que seria outro momento de música histórica  , colocando Johnny Cash no ar pela primeira vez

Resultado de imagem para elvis and george klein

Johnny e seu grupo tocaram algumas de suas primeiras músicas originais, como "Wide Open Road" e  "Belshazzar", e entre cada número musical, Johnny fazia  arremessos para os toldos, alpendre e
Telas, " e cercas de arame disponíveis da Home Equipment Company.


 
 (ELVIS MY BEST MAN)




CONTINUA,,,,,,,,,,