Elvis 1956


domingo, 6 de novembro de 2011

FALECEU PATTI PARRY amiga de elvis presley

No dia 27 de outubro de 2011 faleceu Patti Parry que teve amizade de 17 anos com Elvis. Patti por algum periodo era quem cortava o cabelo de Elvis. Ela na realidade era britânica mas mudou-se para os EUA em 1953. Conheceu Elvis em 1960 quando ela tinha 17 anos de idade. Convivia com a Máfia de Memphis, para muitos ela foi a única mulher da Máfia! A amizade com Elvis durou até sua morte em 1977. Patti sempre foi muito solicita com os fãs de Elvis ao redor do mundo e sua morte foi algo que abalou a comunidade "Elvis". Ela era considerada uma "irmã" de Elvis tamanho o envolvimento que havia entre eles!




materia do site elvis triunfal

PAUL LICHTER LANÇA NOVO LIVRO, "ELVIS IN VEGAS"


Um dos maiores especialistas sobre Elvis, Paul Lichter, acaba de lançar um novo livro "Elvis in Vegas" com 288 páginas. São 375 fotos inéditas do grande público que faz uma cobertura do período em que Elvis reinou absoluto em Las Vegas. Há também fotos do casamento Elvis em 1967 no Hotel Aladdin, entrevistas e recortes deste periodo em Vegas. Paul Lichter lançou vários livros e fanzines antes mesmo da morte de Elvis em 1977. Algumas publicações de Paul fizeram grande sucesso entre os fãs como os livros : "Elvis in Hollywood"; "Viva Elvis, Viva Ann Margret, Viva Las Vegas" e os fanzines "Memphis Flash" dos anos 70. Paul mantém um site chamado www.elvisunique.com onde ele comercializa vários itens incluindo os FTD's. O livro Elvis in Vegas pode ser adquirido no site Amazon:

NARRADOR DA RECORD CITA ELVIS NO PAN 2011 E É CRITICADO POR COLEGA DE TRABALHO

Uma noticia chamou nossa atenção durante a transmissão do Pan 2011 e que foi noticia no site 180graus.com. O narrador Mauricio Torres da Rede Record lembrou de Elvis durante a transmissão da prova de Salto Ornamental. O comentarista disse a seguinte frase: "Quem não se lembra do filme o Seresteiro de Acapulco?" fazendo uma alusão a cena em que "Elvis" salta de um penhasco e que no final do filme canta "Guadalajara"!  A outra comentarista Cristina Guimarães fez um silêncio e soltou uma frase infeliz: "Eu não me lembro nem do Elvis Presley direito, vou lembrar do filme...". Ambos nem eram nascidos quando este filme foi lançado em 1963, mas o que não impede de terem acesso a informações que estão disponíveis em qualquer tipo de mídia hoje em dia. A comentarista foi deselegante com o colega de trabalho e demonstrou estar desplugada de conhecimentos básicos da cultura mundial, já que Elvis é um ícone da música contemporânea. Mauricio Torres sem perder o controle fez uma pequena resenha do filme demonstrando conhecer bem sobre Elvis! O comentário de Cristina demonstra o preconceito com aquilo que já "passou", descartando o "antigo" pelo "novo", como se fosse vergonhoso saber de fatos que ocorreram há muitos anos. Muitas pessoas que nem são fãs de Elvis ficaram indignadas com os comentários, o que chamou a atenção também nas redes sociais!


materia publicada no site elvis triunfal